Certificação de Produtos para Saúde é aperfeiçoada pela ANVISA.


Em encontro realizado no mês passado com as Associações de Produtos Médicos a ANVISA discutiu em detalhes o novo modelo de certificação das boas práticas de fabricação – BPF.
O processo de certificação de boas práticas de fabricação de produtos para saúde passou por grande mudança em outubro de 2017 com a publicação da RDC nº 183, norma que permitiu que a concessão do certificado de BPF pudesse ser baseado na análise de relatório emitido por organismos certificadores reconhecidos pela Agência, frente as normas brasileiras vigentes.
Esta medida, segunda a Agência, permitiu maior agilidade aos processos de certificação e, consequentemente, ao registro de produtos para saúde das classes de risco III e IV.
A ANVISA informou também que, para as novas petições, o prazo atual para certificação é de aproximadamente três meses.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *